terça-feira, setembro 22, 2020
Início Maranhão Criminosos invadem, expulsam passageiros e incendeiam ônibus em Imperatriz

Criminosos invadem, expulsam passageiros e incendeiam ônibus em Imperatriz


Para apagar o fogo, o Corpo de Bombeiros foi ao local com um caminhão-tanque, mas o fogo já havia consumido o ônibus. Criminosos invadem, expulsam passageiros e incendeiam ônibus em Imperatriz
Divulgação
Armados e encapuzados, cinco bandidos interceptaram e atearam fogo em um ônibus da empresa Ratrans da linha Centro/Bom Jesus, em Imperatriz, na noite dessa terça-feira (21). Com galões de gasolina, os bandidos pararam o ônibus e ordenaram que todos os passageiros e o motorista descessem para em seguida atear fogo no veículo.
Para apagar o fogo, o Corpo de Bombeiros foi ao local com um caminhão-tanque, mas o fogo já havia consumido o ônibus. Na fuga, os criminosos levaram o celular e documentos do motorista do coletivo.
O ataque ao ônibus que atende os alunos da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), campus Bom Jesus, se deu pouco tempo depois de três homens atearem fogo na Estadual Escola Amaral Raposo, localizada no Parque Imperial.
O fogo destruiu, parcialmente, alguns documentos e cadeiras da unidade de ensino, que está em reforma e, por isso, o material estava amontoado no pátio, sendo alvos dos bandidos.
Moradores chegaram a tempo de impedir que as chamas se propagassem. Na ocasião, os bandidos estavam em uma moto Bros Preta com vermelho, segundo moradores.
Nota da Seduc sobre caso de incêndio em escola:
“A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informa que no início da noite desta terça-feira (21) houve um princípio de incêndio no Centro de Ensino Amaral Raposo, localizado no município de Imperatriz, ocasionado por vândalos que teriam pulado o muro da escola e provocado as chamas no pátio interno. A comunidade do entorno imediatamente acionou o Corpo de Bombeiros, que controlou o fogo.
A Seduc esclarece que a escola está em reforma e que o ocorrido causou danos materiais em parte da mobília e de alguns documentos escolares que foram queimados. A Seduc informa, ainda, que acionou as autoridades policiais e que a equipe da Unidade Regional de Educação de Imperatriz está no local, acompanhando a apuração da polícia.
Por fim, diante desse ato criminoso, a Secretaria externa tristeza e lamenta que ações como essas ocorram em prédios escolares, que são ambientes de formação cidadã do povo do Maranhão. Ao mesmo tempo, aguarda que os responsáveis sejam identificados e punidos pelo crime cometido contra o patrimônio público.”

MAIS NOTÍCIAS

Mercado em torno do Android movimenta R$ 136 bilhões, 2% do PIB

Um novo estudo, realizado pela consultoria global Bain & Company, analisou os impactos que o sistema operacional Android possui no Brasil. Gerando mais de 630...

Heleno diz que retaliação a países que boicotarem Brasil pode estar na mira do governo

BRASÍLIA (Reuters) – O ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno, afirmou nesta terça-feira que a possibilidade de retaliar países que boicotarem produtos...

Polícia prende dois suspeitos de praticarem estupro no Maranhão

Uma prisão foi na cidade de Porto Franco, região Tocantina. A segundo foi em Paço do Lumiar, na Região Metropolitana de...

Além do ponto laranja: as novas funções de segurança do iPhone com iOS 14

A nova atualização do sistema operacional da Apple, o iOS 14, foi liberado para iPhones e outros dispositivos da marca na semana passada. Um...